segunda-feira, outubro 02, 2006


Dias (Noites) de Furor

Quando nos ouvimos nos murmúrios da cidade,
Crescendo com a manhã, explodindo no fogo de um encontro iluminado,
A euforia que se perde nos pecados da noite,
Poros libertando o furor e a loucura de corpos á deriva,
Indefesos.......